• White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White Pinterest Icon
  • White Instagram Icon

© 2017 by #FalaPiloto.

Proudly created with Wix.com

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle

Classificatórios - Categoria SuperSport

22 Apr 2017

 

Maximiliano Gerardo (#41), da Ducati Mooca - Foto: Gilmar Rose / VGCOM

 

Com grande desempenho, Maxi Gerardo faz a pole na categoria SuperSport. Schultz largará em segundo; pela categoria Stock, Rafael Rigueiro foi o mais rápido; Na Pro Amador, Valcézia começa a prova na vice-liderança.

 

De equipe e moto novas, Maximiliano Gerardo (#41), da Ducati Mooca, abre a temporada 2017 do SuperBike Brasil com uma pole position na categoria SuperSport. O piloto uruguaio foi o mais rápido nos classificatórios e, abaixo de chuva e pista molhada, garantiu a primeira posição no grid de largada para a prova deste domingo (23), que tem início previsto para as 13h06 no Autódromo de Interlagos, em São Paulo (SP). Enquanto isso, Alex Schultz (#22), da equipe Pitico Race Team, larga na segunda posição.

Logo em seu primeiro contato com a Ducati Panigale 959, Maxi Gerardo alcançou excelentes resultados e dominou todas as sessões classificatórias realizadas neste sábado. O piloto uruguaio foi o mais rápido no primeiro treino, com a volta de 1m43s052, e no seguinte, melhorou ainda mais a sua marca, alcançando o tempo de 1m42s230.

Nem a mudança do clima e o início da chuva alteraram o bom desempenho de Gerardo. Porém, o piloto conquistou a primeira colocação no grid apenas em sua última volta na disputa da SuperPole. Após três tentativas frustradas, Gerardo conseguiu cravar a marca de 1m49s875 e garantir a ponta.

Quem acompanhou o uruguaio de perto ao longo destes dois dias de treino foi Alex Schultz (#22), da equipe Pitico Race Team. Em sua primeira temporada na nova equipe, o piloto se mostrou bastante competitivo. Schultz ficou apenas atrás de Gerardo no 1º treino classificatório, e na disputa da SuperPole, vislumbrou uma possibilidade bastante real de faturar a liderança no grid.

Alex Schultz abriu a sessão decisiva com a melhor volta dentre os 10 participantes: 1m56s703. Confortável com a pista molhada, o piloto paulistano baixou constantemente suas marcas. Na última tentativa, seguia como o mais rápido com a volta de 1m52s222. E foi somente quando o cronômetro já havia zerado que Gerardo tomou a sua posição.

Enquanto isso, pela SuperSport Stock – categoria que estreia nesta temporada –, o piloto mais rápido foi Rafael Rigueiro (#52), companheiro de Schultz na equipe Pitico Race Team. O jovem talento das pistas, que venceu a Copa Honda CBR 500R Light na temporada passada, começou o ano com grandes resultados. No comando de uma Kawasaki Ninja ZX-6R, Rafa Rigueiro mostrou ter bastante agilidade para se adaptar aos novos equipamentos. Ele liderou a nova categoria durante os treinos e obteve o nono tempo no geral, garantindo sua participação na SuperPole – diga-se de passagem, o único piloto da Stock a se credenciar para o treino final. Rigueiro encerrou o dia com a marca de 1m58s966 e larga na nona posição do grid, e na liderança da sua categoria.

Pela SuperSport Pro Amador, um dos principais destaques foi Jefferson Valcézia (#99), da equipe Tecfil Racing Team. O piloto, que inicia sua segunda temporada na categoria, teve um bom desempenho ao longo dos treinos e por muito pouco não participou da SuperPole. Valcézia fechou o 11º tempo no geral – 2º na Pro Amador – e por uma posição ficou de fora do treino final. Com a volta de 1m45s899, alcançada na primeira sessão do dia, o piloto garantiu a vice-liderança em sua categoria.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

@FALAPILOTO
TAGS
Please reload

ARQUIVO
Please reload